Com certeza você se deu conta ao comprar presunto presunto que existem etiquetas de diferentes cores. Esta cor vem marcada por um regulamento criado com o fim de que os consumidores recebam mais informação e determina à pureza da raça, a alimentação, a criação…

Seja qual for a cor do rotulo, os comerciantes também estão obrigados a indicar a porcentagem de raça ibérica (mínimo um 50%), pelo qual, o presunto não ibérico não tem este rotulo.

Esta classificação se divide:

  • Preto, para os bolota 100% ibéricos (presuntos que procedem de suínos 100% ibéricos, criados em liberdade e que são alimentados com produtos naturais).
  • Vermelho, para os bolota ibéricos (presuntos que procedem de suínos cruzados, criados em liberdade e alimentados com produtos naturais).
  • Verde, para os de sebo de campo ibéricos (presuntos que procedem de suínos cruzados, criados em liberdade e alimentados com produtos naturais e rações).
  • Branco, para os de sebo de campo ibéricos (presuntos que procedem de suínos cruzados, criados em estábulos e alimentados com rações).

Definitivamente, este regulamento pretende evitar a perda da pureza ibérica e melhorar os controles de certificação alem de melhorar a informação que recebe o consumidor em consequência da transparência.